Mei tai Evolutivo – Ykamiabas

R$279,00

MEI TAI EVOLUTIVO SIROUÉ

O mei tai é um portabebê preformado de origem asiático, leve e fresco, que combina o conforto do wrap com a praticidade da mochila.

Ele está formado por um painel de tecido onde o bebê fica confortavelmente assentado, um cinto que amarramos na nossa cintura e duas alças largas de tecido que distribuem o peso do bebê/criança pelos ombros e costas do adulto.

O Mei tai Ykamiabas da Siroué é dupla face e evolutivo, adaptável para bebês de 3 meses (que já firme o pescoço) até 3 anos aproximadamente (ou 20kg). Ele pode ser usado na nossa frente, nas costas ou de lado, no quadril.

*Veja como usar, na aba “videos”.
**Mais informações do produto e indicação de cuidados, siga lendo em “descrição”.

YKAMIABAS | COLEÇÃO MULHERES

Mulheres guerreiras do Amazonas.

Jovens, nuas, belicosas e carregando arco e flecha. São as Ykamiabas, tribus de mulheres guerreiras que defenderam fortemente as suas terras quando em 1542 os espanhóis avançaram pelo Rio Amazonas. Foi em alusão a elas que batizaram aquele rio, até então denominado “Mar Doce”, como “Rio das Amazonas”.

Diz a lenda que as Ykamiabas moravam em matriarcado estricto no coração da floresta, eram excelentes guerreiras e os homens das tribos vizinhas as admiravam e respeitavam. Elas se organizavam, caçavam, pescavam, e fabricavam úteis em cerâmica, tecidos e armas. Para prociar raptavam homens das tribos vizinhas, os Guacaris, No livro Macunaíma, de Mário de Andrade, elas presenteavam a seus amantes, os guacaris, com um talismã chamado muiraquitã, uma rãzinha esverdeada feita por elas com o barro do fundo do lago Jacy Uaruá (“espelho da lua”).

As filhas meninas eram acolhidas na tribo, e seriam também treinadas guerreiras, enquanto os meninos, após o periodo de aleitamento, eram devolvidos à tribo do pai.

Coleção “Mulheres”
A Siroué rende homenagem a todas as mulheres e a nossa luta diária, honrando simbólicamente nesta coleção a mulheres destacadas ao longo da história e em diferentes culturas, que lutaram e lutam pela igualdade de direitos. Por elas. Por nós.

Fora de estoque

ATENÇÃO: enquanto durar a crise do coronavírus, a Siroué irá realizar uma única coleta de envíos por semana, sempre seguindo as medidas preventivas de higiene recomendadas.

Desta forma, zelamos pela saúde coletiva, limitando as nossas saídas e, com isso, a exposição de todos nós. Desejando que logo possamos voltar a vida normal.

Descrição

MEI TAI EVOLUTIVO

  1. CONFORTO: a praticidade da mochila + o conforto do wrap.
    Fresca: painel em 100% algodão e sem enchimentos.
    100% feita no Brasil, para o clima do Brasil.
    Com capuz.
    .
  2. ERGONOMIA: O mei tai Siroué respeita a ergonomia e o corpo do bebê e do adulto sendo confortável para ambos.
    Suave acolchoado na lateral de apoio das pernas para conforto do bebê.
    Alças largas para conseguir o conforto do wrap abraçando os ombros.
    Uso na frente, nas costas e no quadril.
    .
  3. EVOLUTIVO: O mei tai Siroué é ajustável para bebês de 3 a 36 meses ou 20kg  (desde que o bebê já tenha controle cervical, pescoço “durinho”): cresce com seu bebê e permite ajuste favorecendo a coluna em C e pernas em M.
    Medida do painel na máxima extensão: 40cm x 45cm.

CUIDADOS:

Lavar a mão, em água fria e com sabão liquido, sem amaciante. Secar na sombra.

YKAMIABAS | COLEÇÃO MULHERES

Mulheres guerreiras do Amazonas.

Jovens, nuas, belicosas e carregando arco e flecha. São as Ykamiabas, tribus de mulheres guerreiras que defenderam fortemente as suas terras quando em 1542 os espanhóis avançaram pelo Rio Amazonas. Foi em alusão a elas que batizaram aquele rio, até então denominado “Mar Doce”, como “Rio das Amazonas”.

Diz a lenda que as Ykamiabas moravam em matriarcado estricto no coração da floresta, eram excelentes guerreiras e os homens das tribos vizinhas as admiravam e respeitavam. Elas se organizavam, caçavam, pescavam, e fabricavam úteis em cerâmica, tecidos e armas. Para prociar raptavam homens das tribos vizinhas, os Guacaris, No livro Macunaíma, de Mário de Andrade, elas presenteavam a seus amantes, os guacaris, com um talismã chamado muiraquitã, uma rãzinha esverdeada feita por elas com o barro do fundo do lago Jacy Uaruá (“espelho da lua”).

As filhas meninas eram acolhidas na tribo, e seriam também treinadas guerreiras, enquanto os meninos, após o periodo de aleitamento, eram devolvidos à tribo do pai.

Coleção “Mulheres”
A Siroué rende homenagem a todas as mulheres e a nossa luta diária, honrando simbólicamente nesta coleção a mulheres destacadas ao longo da história e em diferentes culturas, que lutaram e lutam pela igualdade de direitos. Por elas. Por nós.

Informação adicional

Peso 0.900 kg
Dimensões 25 × 15 × 8 cm

Você também pode gostar de…